DSpace
 

RIUFF >
Ciências Humanas, Linguísticas, Letras >
IL - Instituto de Letras >
POSLING - Programa de Pós-Graduação em Estudos de Linguagem >
POSLING - Tese e Dissertação >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.uff.br/jspui/handle/1/5565

Title: Representações da empregada doméstica em textos de livros didáticos destinados ao ensino da língua e da cultura do Brasil a estrangeiros
Authors: Tomaz, Vera Lucia Ferreira
???metadata.dc.contributor.advisor???: Júdice, Norimar Pasini Mesquita
???metadata.dc.contributor.members???: Almeida, Patrícia Maria Campos de
Sanson, Cirlene de Sousa
Issue Date: 22-Jan-2018
Abstract: Esteestudo aborda a representaçãoda figura da empregada doméstica em textos verbais e não verbais de livros didáticos de Português do Brasil para Estrangeiros (PBE), publicados no Brasil nos séculos XX e XXI e direcionados ao ensino de nossa língua e cultura a estrangeiros. Analisamos, na linha do tempo e com base na teoria das Representações Sociais, a frequência com que a doméstica é representada, a forma pela qual é mostrada nos contextos em que se inscreve, como se configura a relação entre patroa e empregada e como esses textos são oferecidos à leitura do outro, o estrangeiro, em diferentes períodos de nossa história. Concluímos que, nos materiais didáticos (MDs) analisados, as representações das domésticas não são frequentes, predominando nos textos verbais dialogados, e surgindo em situações de interação fortemente assimétricas entre empregada e patroa no ambiente da casa, construídas com recurso ao componente linguístico e ao imagético(ilustrações e foto). Nas representações das empregadas domésticas, observam-se não só traços que as articulam com suas origens na escravidão mas também breves registros da importância de seu trabalho na organização familiar
???metadata.dc.description.abstractother???: This study deals with the representation of the maid's figure in verbal and non - verbal texts of textbooks elaborated for the teaching of Brazilian Portuguese to Foreigners (PBE), published in Brazil in the 20th and 21st centuries, aiming to teach our language and culture to foreigners. We have chronologically analyzed, according to the theory of Social Representations, how frequently maids are represented, the way they are depicted in the contexts assigned to them, how the relationships between employer and employee is woven, and how these texts are offered to the reading of others, namely foreigners, in different periods of our history. We have concluded that, in the teaching materials (MDs) analyzed, maid representations are not frequent, appearing more often in verbal dialogues and in strongly asymmetrical interactive situations between maids and bosses in the home environment, which are built upon the imagery (illustrations and photo) and linguistic components. In the representations of maids, both traces that articulate them with their origins in slavery and brief records of the importance of their work in family organization can be observed
URI: http://repositorio.uff.br/jspui/handle/1/5565
Appears in Collections:POSLING - Tese e Dissertação

Files in This Item:

File Description SizeFormat
FORMATACAO FINAL P.GRAFICA-7.9.17(1).pdf3.1 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

This item is licensed under a Creative Commons License
Creative Commons

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback